Fim de semana andaluz: a Alhambra, o Albaicín e animadíssima noite granadina

Granada é definitivamente uma cidade que deveria estar incluída num roteiro pela Espanha, nem que seja para estar uma noite e conhecer o básico. Já estive quatro ou cinco vezes e todas as vezes voltei para casa encantada.

Alcazaba na Semana Santa
Alcazaba na Semana Santa

GRANADA

Como chegar

Como já comentei no post anterior, em Granada não chega AVE (trem rápido). Para ir de Madrid tem que ser carro, ônibus ou avião… De carro a viagem dura umas 4:30hs e de ônibus umas 5hs. De avião menos de uma hora.

Se você já está na Andalucía dá para ir também de trem lento. De Sevilla por exemplo a viagem dura 3hs. Saindo de Córdoba, 2:30hs.

Hotéis

O melhor é tentar buscar um hotel no centro para poder sair caminhando a noite e curtir os inúmeros bares da cidade, mas deixo também uma opção para quem prefere ficar num lugar mais tranquilo, perto da Alhambra.

Centro de Granada, lotado na Semana Santa
Centro de Granada, lotado na Semana Santa

O imprescindível

Não existe ir a Granada e não ir na Alhambra. E comprar as entradas antes é super importante (http://www.alhambra-patronato.es) porque deixar para comprar na hora significa risco de não entrar. Recomendo comprar a visita Alhambra General que dá acesso a todos os Palácios. É importante ter em conta que o horário da visita é o horário da entrada nos Palacios Nazaries, o que significa que uma hora antes você tem que estar nos caixas da entrada para trocar os ingressos e entrar.

O complexo da Alhambra tem seu inicio no século IX. A primeira parte a ser construída foi a Alcazaba, uma fortaleza militar que serve como refugio e domina as terras circundantes. O nome Alhambra vem de Al-Hamra, que em árabe significa vermelho, a cor dos seus muros e edifícios.

o Albaicín visto da Alcazaba
o Albaicín visto da Alcazaba

Uma das características que torna a Alhambra tão especial é como as estruturas das construções estão combinadas como a luz e a água, aproveitando esses dois elementos para dar distintas tonalidades de vermelho. A água ainda é usada para transmitir uma sensação de paz e tranquilidade.

Ao lado estão os Palacios Nazaries (vá para a fila alguns minutos antes da hora marcada para não perder a entrada), com três zonas distintas. O Mexuar era a zona da Justiça e onde se tratavam os assuntos do Estado. Era ali onde o sultão escutava a exposições dos seus súditos. A segunda zona é o Palacio de Comares, com seus azulejos que dão uma personalidade sem igual. E a terceira zona é o Palacio de los Leones, construído por Mohamed V para que fosse a zona privada da família real e do harém. O famoso Pátio de los Leones, com sua fonte e seus 12 leões de mármore, é uma alegoria do paraíso.

Palácios Nazaries
Palácios Nazaries
Palácios Nazaries
Palácios Nazaries
Pátio de los Leones
Pátio de los Leones

Também ao lado está a Puerta del Vino, a mais antiga da fortaleza.

Puerta del Vino
Puerta del Vino

O Generalife é um Palácio construído entre os anos 1314 e 1325 e sua função era de retiro e descanso dos reis. Mas o que mais impressiona aqui são seus magníficos jardins.

Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife
Generalife

Saindo da Alhambra, vamos ao Albaicín para dar um passeio e almoçar por ali em um dos vários restaurantes do bairro. A melhor maneira de ir até lá é pegar um táxi, que não vai custar mais de 15€. Os restaurantes que recomendo ao final do post tem umas vistas espetaculares para a Alhambra.

Alhambra com Sierra Nevada vista do Albaicín
Alhambra com Sierra Nevada vista do Albaicín

Depois do almoço dá para dar um volta pelo bairro e descer andando para o centro, passando pela Plaza Larga e o Mirador de San Nicolás e já embaixo, pelo Paseo de los Tristes.

Albaicín
Albaicín
Albaicín
Albaicín
Plaza Larga
Plaza Larga
Paseo de los Tristes
Paseo de los Tristes

Antes de começar a noite que em Granada não tem fim vale a pena conhecer a Catedral de Granada, uma construção de 1492 iniciada pelo Reis Católicos e finalizada em 1517, quando Carlos V trasladou os restos dos seus pais Juana La Loca e Felipe El Hermoso.

Catedral de Granada
Catedral de Granada

Semana Santa em Granada

A Semana Santa na Andalucía merecia um post a parte, já que é um espetáculo. Quem viaja para Espanha nessas datas, é legal se programar para estar esse fim de semana pela zona. A cidade fica ainda mais cheia de vida e as procissões que sobem pelas ladeiras da Alhambra são incríveis.

Procissão
Procissão
Procissão
Procissão

Onde comer

Se o tempo na cidade for curto recomendo almoçar em um dos restaurantes do Albaicín e ao invés de jantar, fazer um programa bem granadino: sair de bar em bar tomando umas cañas ou uma Alhambra verde (a cerveja local, que eu adoro) e obviamente, tapas.

Nessa última viagem almoçamos no Mirador de Morayma, com umas vistas espetaculares. Apesar que a comida não agradou a todos, algumas coisas estavam boas, como por exemplo as Croquetas de rabo de toro.

Croquetas de rabo de toro
Croquetas de rabo de toro

O Secreto ibérico também recomendável.

Secreto ibérico
Secreto ibérico

Assim como os outros restaurantes da zona, o melhor é picar várias coisas como jamón, queijo, salmorejo, croquetas, etc e tomar umas cervejas contemplando a vista.

A vista do mirador de Morayma
A vista do mirador de Morayma

Se a idéia for jantar no Albaicín, o restaurante Carmen del Água é famoso por ser o mais romântico da região e serve fondue. Para picar alguma coisa ou comer e tomar uma cerveja ou vinho outra opção é o San Nicolás.

De qualquer maneira no final do post deixo uma lista de bons restaurantes no centro de Granada, para quem quer comer bem de verdade.

De bar em bar

Os granadinos são famosos por serem muito festeiros. Sair com um granadino para tomar uma caña pode ser perigoso, principalmente se for no dia anterior da visita à Alhambra. Provavelmente a visita será acompanhada de uma mega dor de cabeça. Como a cidade é pequena e todos se conhecem, os grupos vão se reciclando durante a noite a às 5hs da manhã você está num grupo completamente diferente daquele que saiu às 21hs para tomar uma verde (como eles chamam a cerveja local).

Não deixe de pelo menos dar uma passada em Los Diamantes, Los Manueles e La Abacería, sempre lotados de locais. Para picar alguma coisa num bar mais tranquilo e mais arrumadinho recomendo o Alameda. Mas o bom mesmo é passar por todos.

Depois das tapas normalmente as pessoas seguem para um bar de copas e cocktails, dos quais os mais famosos são o Verdi e o Escudo 11.

Balada

Não pense que a noite acaba aí. Até agora estávamos em bares tranquilos. Terminada essa etapa vamos aos bares com música, copas e lío, onde tudo pode acontecer. Normalmente os granadinos começam a noite no Ganivet, que fecha mais cedo (umas 2hs), tomam uma copas aí e, quando está para fechar, seguem ou para a Sala Aliatar ou para o Granero, bares com mais música, mais copas e mais lío. Todos bem pertinho um do outro, difícil voltar para o hotel…


Restaurantes Centro

Puerta del Carmen. Plaza del Carmen, 1 – Granada – España (35€)

http://www.puertadelcarmenrestaurante.com/

Asador Castilla. Calle Escudo del Carmen, 17 – Granada – España (60€)

www.realasadordecastilla.com

El Huerto de Juan Ranas. Calle Atarazana Vieja, 6 – Granada – España (70€)

www.elhuertodejuanranas.com

Pinot Noir. Calle Angel Ganivet, 6 – Granada – España (40€) Asiático

Restaurantes Albaicín

Carmen del Agua. Placeta del Aljibe Trillo,7 – Granada – España (30€) Fondue

www.elaguarestaurante.es

Mirador de Morayma. Calle Pianista García Carrillo, 2 – Granada – España (30€)

http://www.miradordemorayma.com

San Nicolas. Plaza de San Nicolás, 3 – Granada – España (30€)

http://www.restaurantesannicolas.com

Bar Cañas e Tapas

Los Diamantes. Plaza Nueva, 13 – Granada – España  (20€)

www.barlosdiamantes.com

Los Manueles. Calle Reyes Católicos, 61 – Granada – España (20€)

www.losmanueles.es

Alameda. Calle Escudo del Carmen esquina Rector Morata – Granada – España (20€)

www.alamedarestaurante.es

La Abacería. Calle Angel Ganivet, 6 – Granada – España (20€)

Bar Cocktails e Copas

Verdi. Calle Sacristia de San Matias, 18 – Granada – España

Escudo 11. Calle Escudo del Carmen, 11 – Granada – España

Balada

Pub Ganivet. Calle Ángel Ganivet, 13 – Granada – España

www.pubganivetgranada.com

Sala Aliatar. Calle Recogidas, 2 – Granada – España

http://aliatar.es/

Granero. Plaza Poeta Luís Rosales, S/N – Granada – España

http://www.granerogranada.com/

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s