Segundo dia em Roma: Colosseo, gelato no Pantheon e muito burburinho no Campo dei Fiori

O segundo dia começa ao lado do Termini, na Viale Enrico de Nicola onde estão os Termas de Diocleciano, os maiores da Roma Antiga, e que hoje albergam o Museo Nazionale Romano. Seguindo pela Via Cavour, à esquerda do Termini, depois de uns 300 metros está uma das igrejas mais bonitas de Roma: a Basilica di Santa Maria Maggiore.

Ao final da Via Cavour se encontra a Via dei Fori Imperiali onde está o Colosseo, o símbolo de Roma em todo o mundo. Normalmente tem uma fila gigante para comprar o bilhete, que vale também para o Museo Palatino e o Foro Romano. Então o que recomendo é começar pelo Museo e Foro, onde tem bem menos fila para comprar e depois visitar o Colosseo, indo direto na fila de entrada.

Ao final da Via dei Fori Imperiali está a Piazza Venezia, onde se destaca o Altare della Patria. Dali seguimos pela Via del Corso, uma das mais populares de lojas, e pela Via del Seminario até chegar ao Pantheon, construído na época greco-romana. Esse templo sempre esteve em uso, primeiro dedicado a todos os deuses do panteão romano e, desde o século VII, como templo cristão. A cúpula é impressionante.

Para comer pela zona recomendo o Ristorante Maccheroni, com uma cozinha tradicional romana, onde não só a pasta é a estrela. Aqui os pratos mais recomendados são as alcachofras e as almôndegas de carne. Sempre acompanhado de um bom Chianti.

Maccheroni
Maccheroni

Ao invés de pedir um sobremesa recomendo ir até a sorveteria Giolitti, uma das mais famosas em Roma, para tomar um sorvete (pistaccio sempre) ou uma ‘granita’.

Giolitti
Giolitti

À noite recomendo duas opções dependendo do ânimo:

1) Uma é ir ao Campo dei Fiori, pertinho da Piazza Navona, sempre animado e com bastante movimento, onde se pode tomar um aperitivo no Obika (queijos e vinhos) e logo ir jantar no La Quercia, um dos meus preferidos em Roma. Ali recomendo o Carpaccio de bacalhau, o Cacio e pepe (pasta) e o Filetto ai tre pepi (filé com três pimentas).

Obika
Obika
Degustaçao de queijos no Obika
Degustaçao de queijos no Obika
La Quercia
La Quercia

2) A outra opção é ir jantar no Sora Lella, localizado na Isola Tiberina. É um restaurante mais romântico (porque está bem no meio do Tevere) e um pouquinho mais caro que os demais, mas vale a pena. Além da carta, esse restaurante oferece três menus degustação: um típico romano, um com peixe e um vegetariano por 50€ sem vinho e por 75€ com 4 taças de vinho. Da carta recomendo as Alcachofras (Carciofo) e Ravioli di Ricotta e Spinaci. As alcachofras em geral estão na carta como acompanhamento, mas sempre peço de qualquer maneira, independente do prato principal. E para terminar, um tiramisu.

Sora Lella
Sora Lella
Alcachofra do Sora Lella
Alcachofra do Sora Lella
Tiramisu
Tiramisu

Ristorante Maccheroni

Piazza delle Coppelle, 44. Reservas: +39 06 68307895 ou reservations@ristorantemaccheroni.com

www.ristorantemaccheroni.com

Giolitti

Via Degli Uffici Del Vicario, 35.

Obika

Campo dei Fiori, 26. Reservas: +39 06 68802366. Se é só para tomar aperitivo não precisa reservar.

www.obika.com

La Quercia

Piazza della Quercia, 23. Reservas: +39 06 68300932

Sora Lella

Via Ponte Quattro Capi, 16. Reservas: +39 06 68 61 601

www.soralella.com

One thought on “Segundo dia em Roma: Colosseo, gelato no Pantheon e muito burburinho no Campo dei Fiori”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s